Inscrições abertas para o FETO (Fest. Estudantil de Teatro) até dia 14 de setembro

As inscrições para o FETO 2020 – Festival Estudantil de Teatro estão abertas e vão até o dia 14 de setembro, recebendo propostas de estudantes em diferentes categorias. Neste ano realizaremos nossa 20ª edição em formato novo, respeitando os protocolos de isolamento social.

O FETO é um festival que tem como objetivo fomentar e dar visibilidade ao teatro produzido nas escolas, universidades, cursos livres e técnicos. Nos ajude a espalhar essa notícia entre professores, estudantes e instituições de ensino.

O Festival é uma importante iniciativa que recebe propostas de todo Brasil tornando-se uma enriquecedora experiência pessoal e profissional para os participantes, tendo em sua programação atividades formativas, intercâmbios culturais e encontros com profissionais das artes cênicas. Este ano o FETO acontecerá pelas redes sociais do Festival no período de 18/11/20 a 26/11/20.

Inscrições de candidatos para o exame de seleção do Programa de Monitoria da Graduação – Fotografia

A Chefe do Órgão Acadêmico Responsável do Departamento de Fotografia e Cinema, Professora Patrícia Gomes de Azevedo, faz saber que, no período de 28/08/2020 a 04/09/2020, de 00:00:01 às 23:59:59 horas, a Secretaria do Departamento de Fotografia e Cinema (através do email dftc@eba.ufmg.br) receberá as inscrições de candidatos para o exame de seleção do Programa.

Edital de seleção para Estudantes – Fotografia

Inscrições de candidatos para o exame de seleção do Programa de Monitoria da Graduação – Design Sonoro

A Chefe do Órgão Acadêmico Responsável do Departamento de Fotografia e Cinema, Professora Patrícia Gomes de Azevedo, faz saber que, no período de 28/08/2020 a 04/09/2020, de 00:00:01 às 23:59:59 horas, a Secretaria do Departamento de Fotografia e Cinema (através do
email dftc@eba.ufmg.br) receberá as inscrições de candidatos para o exame de seleção do Programa.

Edital de seleção para Estudantes – Design Sonoro

Inscrições de candidatos para o exame de seleção do Programa de Monitoria da Graduação

A Chefe do Órgão Acadêmico Responsável do Departamento de Fotografia e Cinema, Professora Patrícia Gomes de Azevedo, faz saber que, no período de 28/08/2020 a 04/09/2020, de 00:00:01 às 23:59:59 horas, a Secretaria do Departamento de Fotografia e Cinema (através do email dftc@eba.ufmg.br) receberá as inscrições de candidatos para o exame de seleção do Programa.

Edital de Seleção para Estudantes

 

Coordenador do Serelepe participa, virtualmente, de Encontro de programadores de rádio no México.

Durante a semana de 25 a 29 de agosto, o prof. Eugênio Tadeu, coordenador do Serelepe: brinquedorias sonoras e cênicas, participará de uma mesa no IV Encuentro de productores de radio para las infancias en América Latina y el Caribe.

Ele foi convidado a falar sobre a experiência do programa Serelepe: uma pitada de música infantil que vai ao ar na Rádio UFMG Educativa FM104,5 todos os sábados e domingos às 9h da manhã desde setembro de 2005, momento em que a Rádio da UFMG foi inaugurada.

O programa, desde 2007, é elaborado por estudantes da disciplina Programa de rádio Serelepe, oferecida na graduação em Teatro da Escola de Belas Artes.

O evento é promovido pelo Museu Nacional de de los Ferrocarriles Mexicanos.

O encontro reunirá programadores de rádio de vários países, tais como: México, Argentina, Brasil, Colômbia, Porto Rico e Uruguai. A maioria dos programadores participa do Movimento da Canção Infantil Latino-americana e Caribenha – MOCILYC.

Mesas de discussão: https://www.mexicoescultura.com/actividad/241646/educacion-cultura-y-creatividad.html

Na ocasião cada programador terá um programa gravado de seu repertório para ser divulgado no Radiotón, no 29/08, por meio de da Radio Educación (CDMX), SEP Radio (Puebla), Radio Universidad (Guadalajara), Código Ciudad de México y diversas emisoras comunitarias.

Página sobre o encontro: https://www.mexicoescultura.com/ciclos/detalle/3183/iv-encuentro-de-productores-de-radio-para-las-infancias-en-america-latina-y-el-caribe

O evento será transmitido por um link disponibilizado na perfil do Facebook  do Museu Nacional de los Ferrocarilles Mexicanos. (https://www.facebook.com/MuseoNacionalFerrocarriles)

@MuseoNacionalFerrocarriles

À flor da pele: apresentação de dança em formato digital é destaque no Circuito Cultural UFMG

Texto: Diretoria da Ação Cultural da UFMG

Surgido a partir de estudos de improvisação instantânea, o espetáculo de dança PlaylistA feito em CasA: À flor da pele  estreia no dia 26 de agosto, às 19h, pelo www.youtube.com/culturaufmg. A apresentação foi produzida por seis dançarinas de Belo Horizonte por meio da plataforma Zoom, e integra a programação do Circuito Cultural UFMG #emcasa. O Circuito é uma iniciativa da Diretoria de Ação Cultural da UFMG.

 

Andrea Anhaia, Ester França, Cib Maia, Joelma Barros, Márcia Neves e Marise Dinis conseguiram construir uma obra coletiva, mesmo que à distância. Reunindo-se pela internet desde abril desse ano, elas iniciaram uma empreitada ambiciosa para dar continuidade ao espetáculo  PlaylistA, de 2018. A peça explorava a improvisação em tempo real, tendo como inspiração o universo feminino e as interpelações que balizam a condição de ser mulher na atualidade.

 

Abarcando os desafios de preservar o caráter efêmero das práticas em dança em um ambiente virtual, as artistas de diferentes trajetórias profissionais passaram a se encontrar semanalmente.  “Escrevemos cartas umas para as outras e, depois disso, lemos em conjunto. A cada encontro produzimos vídeos-processos regidos pelo fluxo e pela alternância entre o que se nomeia como dança e como vídeo”, explicou Andrea Anhaia, que está concluindo o curso de licenciatura em Dança pela UFMG.

 

No exercício da escuta e interlocução, as dançarinas se dedicam a fazer de seu corpo em movimento a tradução de anseios, angústias, cansaço, solidão, coragem e esperança. Do processo improvisado de direção e edição instantânea da imagem, emergem questões, cujos sentidos estão abertos para a interpretação do público.

 

O projeto

 

As dançarinas coautoras se reuniram a convite de Andrea Anhaia e Ester França, cofundadoras e integrantes do Coletivo Movasse que, ao longo de seus 15 anos de existência, vem constituindo um repertório de trabalhos apresentados no Brasil e exterior. Assim como Andrea e Ester, Cib Maia, Joelma Barros, Márcia Neves e Marise Dinis também possuem longa atuação em Belo Horizonte. Suas carreiras abarcam a participação em grupos de dança, trabalhos solo ou, como profissionais independentes, em colaboração com outras/os artistas da cena. Juntas desde maio de 2018, sem nenhum tipo de patrocínio ou financiamento, seu principal interesse é investigar diferentes temas e estímulos e relacioná-los aos múltiplos modos e desafios de ser mulher.