Como ofertar um Curso de Extensão?

PASSO A PASSO

Deseja ofertar um Curso de Extensão na EBA, mas não sabe como começar?
Preparamos um passo-a-passo introdutório para que você possa desenvolver e encaminhar sua proposta.

1. Escrever o Projeto

A(o) Proponente deve formular uma proposta por escrito e encaminhá-la a seu respectivo Departamento.

Para preencher o formulário de proposta de Curso de Extensão, a pessoa interessada deve acessar o SIEX (Sistema de Informação da Extensão) pelo link existente na página inicial do site Minha UFMG.
Na página do SIEX, ela deve clicar em “Inserir Curso”, existente no menu à esquerda.
A(o) Proponente deve preencher os campos solicitados e clicar no botão “Salvar e Avançar”, no fim da página inicial.
A página seguinte solicita informações sobre a Equipe do Projeto, onde serão inseridos os dados sobre o Professor da atividade, mesmo que este seja externo à UFMG.

Neste momento, ainda não é possível incluir o Projeto no SIEX e gerar um número de código para o projeto. Mas as informações já estão gravadas no sistema. Para conseguir registrá-lo é necessário ter a aprovação das instâncias da Unidade (Câmara Departamental e Congregação). Nesta página, porém, é possível imprimir todos os campos já preenchidos anteriormente. Após o preenchimento completo, a proposta deve ser impressa e encaminhada ao respectivo Departamento.

2. Definindo a Equipe

A(o) Proponente será a(o) responsável pela coordenação da atividade. A equipe do Projeto deve conter também o(a) Professor(a) que irá ministrá-lo, efetivamente.

O(a) Coordenador(a) deve ser um(a) servidor(a) público(a) com vínculo na Escola de Belas Artes. O(a) Professor(a) pode ser o(a) Coordenador(a), ou algum outro servidor, ou mesmo um profissional externo à Universidade, desde que este tenha sua capacidade devidamente comprovada na área de conhecimento a ser ofertada. A indicação de profissionais externos e a devida comprovação de sua competência é de responsabilidade da(o) Proponente.

 

3. Encaminhamento às instâncias de validação

Após encaminhar a proposta impressa ao Departamento, a Câmara Departamental tem a responsabilidade de avaliar a proposta, levando em consideração a relevância e o caráter extensionista da atividade.

Caso aprovado, a Câmara Departamental indica um prazo de vigência. Em geral, o recomendável é um prazo entre 2 e 3 anos. A Câmara deve levar em consideração se o Proponente possui alguma previsão de afastamento de suas funções. Caso o Coordenador venha a se afastar de suas funções, será necessário indicar um novo Coordenador para o Projeto, atualizando as informações de Equipe e Resultados no SIEX ou, ainda, finalizá-lo, concluindo o Projeto antes que se afaste de suas funções.

A Câmara Departamental deve encaminhar o projeto aprovado à Congregação da EBA para aprovação na instância máxima da Unidade e para ciência de todos os participantes.

 

4. Gestão por parte do CENEX-EBA

Após aprovado pela Congregação, a documentação segue para registro no CENEX-EBA, onde o Projeto será, finalmente, incluido no SIEX.

Devido à oferta de Cursos de Extensão na Escola de Belas Artes ser grande e complexa, com mais de 20 Cursos por semestre, o CENEX-EBA tem ofertado à Comunidade o serviço de gestão destas atividades junto aos Coordenadores de cada Projeto.

Esta gestão inclui o devido encaminhamento (preenchimento de formulários específicos) e gestão financeira dos projetos junto à Fundep; a definição e adequação dos espaços físicos junto à SLOP; a divulgação dos Cursos; o atendimento de modo presencial e por telefone ao público interessado; a formatação dos contratos no caso de Professores externos; a formulação de planilha de valores com cálculo de hora/aula relativa a número de vagas e os devidos impostos; a definição de Bolsas seguindo os parâmetros legais (obrigatórias por lei a cada dez inscritos para o caso de alunos pagantes); os cancelamentos; o atendimento a alunos; o atendimento a Professores externos; o registro de diários de Classe; emissão de Certificados e arquivamento.

 

5. Atribuições dos Coordenadores de Projeto

O(a) Coordenador(a) tem por atribuições:
orientar e dar apoio ao Professor do Curso durante todo o período de vigência do Projeto;
fornecer informações relevantes, em texto e imagem (se possível), para que o CENEX-EBA possa fazer a divulgação;
atualizar as informações no SIEX ao final do Curso e mantê-las atualizadas, especialmente as informações referentes à atividade de modo geral a cada semestre, informando o público atingido, incluindo o número de matrículas e o número de alunos que finalizaram a atividade;
mesmo se uma atividade proposta não tiver ocorrido no semestre ou tiver sido cancelada é necessário fazer este registro no histórico do projeto no SIEX, porque o projeto continua vigente.